Enviado Por:Felipe José Souto Galvão Barros

Casamento Memorável

Você já votou!

Olá Guga, Rafa e convidado! Tudo bem com todos?

A história que irei contar é sobre o casamento dos meus pais e aconteceu antes de minha irmã e eu nascermos. Então tudo que sabemos é o que os presentes desse dia memorável nos contou. Guarde muito bem a palavra memorável.

 

1º ato

O dia é 22.02.1986, não sei muito o que aconteceu neste ano, então irei pedir uma ajudinha para o Rafa. Vai que é tua Rafa!
O casamento aconteceu numa ilha chamada Santa Rita que fica localizada no município de Marechal Deodoro, em Alagoas, terra do proclamador da república. Minha mãe Alzira, que estava muito nervosa, se arrumava para a cerimônia com a ajuda de uma prima Ana, na casa da minha avó. Ficou um pouco mais nervosa quando esta sua prima chegou para ela dizendo que seria bom ir para a igreja porque poderia acontecer do pneu furar, o carro quebrar, ter trânsito, etc. Sim, a ansiedade da minha mãe foi para o espaço nesta hora e a correria da arrumação aumentou e todos partiram para a igreja. A consequência foi que não aconteceu nada e ela chegou muito cedo na igreja (é a única noiva que conheço que chegou cedo ao casamento), antes mesmo que alguns convidados e do meu pai, o noivo.

 

2º ato

No dia do casamento meu pai estava na casa dos irmãos se arrumando quando percebeu que tinha que conseguir uma gravata. Sim, meu pai descobriu que não tinha gravata poucas horas antes do casamento e teve que correr à procura de alguém que tivesse uma gravata para emprestar (1986 não existia WhatsApp e ter telefone celular não era algo tão popular). Meu tio conseguiu a gravata com um amigo e meu pai a vestiu e foram ao casamento.

 

3º ato

Todos chegaram ao casamento e descobriram que houve um pequeno problema com o fotógrafo e ele não iria conseguir ir. A ansiedade da minha que já estava no espaço conseguiu ir mais para cima. Mas o cunhado do meu pai (casado com a minha tia, irmã do meu pai) disse que sabia tirar as fotos e iria ficar responsável por registrar esse dia memorável (sim, memorável) para os meus pais.

 

4º ato

Casamento rolou normalmente, o cunhado do meu pai tirando todas as fotos possíveis. Ele gastou todos os rolos de filmes de 36 poses que foram entregues a ele. E quando chegou o momento dos noivos irem embora para a lua de mel, um amigo do meu pai simplesmente perguntou onde eles iriam passar a lua de mel e meu pai ao falar do local, esse amigo no mesmo instante falou que era caminho da casa dele e invadiu o carro do meu pai e pegou carona até a casa dele. Se conhece alguém mais sem noção por favor me apresentem. Aliás está aí uma ideia de tema. Histórias de pessoas sem noção.

 

5º ato

Passa casamento, passa lua de meu e chegou a hora de arrumar a casa e irem revelar as fotos. Pela quantidade de rolos de filmes não seria possível que fossem reveladas e entregues no mesmo dia, então foi agendado para eles irem pegar outro dia. No dia marcado ao chegar na loja que revelava os rolos de filmes a atendente chamou meu pai. Minha mãe disse que naquele momento o coração começou a doer, a ansiedade foi para o espaço novamente e sentou e caiu em choro. Não sabia o que era, mas, pela fala, algo deu errado. A atendente falou com meu pai: “o que tinha nas fotos?” Meu pai falou que eram as fotos do casamento deles. A moça disse que os rolos foram postos de forma errada e todas as fotos queimaram. Não era possível salvar nenhuma foto. Nesse momento a minha mãe ficou mais nervosa, ainda mais porque não havia mais o que fazer. Não tinha como voltar no tempo.

E esse foi o casamento dos meus pais. Hoje o casamento é chamado de memorável porque só está registrado na memória deles e dos convidados e no vestido dela que guarda até hoje, depois de 34 anos. Hoje continuam tão apaixonados como naquela época e são pais de 2 filhos: eu e minha irmã.
Esta história foi escrita diversas vezes para o retrato falado, quadro do Fantástico e nunca foi selecionado e agora escrevo e vai que é escolhida. Caso seja irei mostrar a ela que o casamento acaba de ganhar mais uma forma de registro e não apenas na memória.

Parabéns pelo trabalho que estão fazendo. O Gugacast é o que me acompanha todas as segundas a caminho do trabalho. Aquele abraço e fiquem na paz!

Histórias em Destaque

16/04/2021
Enviado por: Rodrigo
Pois bem, eu e o irmãos passamos muito tempo juntos, tivemos nossos primeiros porres juntos.
15/04/2021
Enviado por: Cintia Oller Cespedes
Eu sou formada em Gestão Ambiental e em 2012, quando eu estava no último ano da faculdade…
15/02/2021
Enviado por: Caio Corraine
Duas pessoas encontram o amor de suas vidas em situações completamente diferentes.

Último Podcast

Gugawiki é um projeto onde relatamos detalhes épicos e curiosidades dos episódios.

E aí? Curtiu esta história?

Você já votou!

Últimos Episódios do podcast

Assine o Gugacast

Se você gosta demais do Gugacast, pode se tornar um assinante!
Você terá acesso a conteúdos exclusivos e diários.

Todos os direitos reservados • Blog do Guga Mafra • Desenvolvido por Marks.art.br